guia-do-veterinario-logo
Fim da dúvida: 5 dicas na hora de escolher o curso de atualização em medicina veterinária
Autor: Vinicius Molter

Fim da dúvida: 5 dicas na hora de escolher o curso de atualização em medicina veterinária

Escolher um curso de atualização pode causar muitas dúvidas e incertezas, pois é um passo muito importante na sua carreira. A primeira coisa a fazer é entender o que é um curso de atualização e como isso pode ajudar você a alavancar a sua carreira.

Os cursos de atualização têm como público principal graduandos ou graduados interessados em rever e aprimorar as suas atividades profissionais, além de interagir com profissionais da área. São cursos que valorizam a parte prática para que os conhecimentos adquiridos possam ser aplicados rapidamente no seu cotidiano.

Então, se você pretende valorizar o seu currículo e se destacar no mercado de trabalho é imprescindível manter-se atualizado. Para ajudar você a escolher um curso de atualização preparamos este post com 5 dicas de forma a esclarecer todas as suas dúvidas.

Boa leitura!

O que é um curso de atualização?

Por definição, os cursos de atualização propõem a complementação e a ampliação de conhecimentos teórico-práticos em áreas específicas da medicina veterinária. Além de fornecerem o conhecimento para lidar com questões práticas da profissão, eles promovem o contato com novas tecnologias, técnicas, materiais e networking entre colegas de profissão.

Ao buscar novos conhecimentos e manter-se constantemente atualizado, o profissional demonstra proatividade, que é uma característica valiosa para qualquer veterinário que queira construir uma carreira de sucesso. A proatividade pode fazer toda a diferença na hora de procurar um emprego ou garantir a sua permanência no mercado em tempos de crise. Além disso pode ser um grande diferencial para se candidatar a um posto de liderança.

Seja qual for a sua área de atuação, os outros graduados na mesma área tem condições de realizar o mesmo trabalho que você, por esse motivo, para se diferenciar da concorrência é importante apresentar competências e habilidades adicionais. Por exemplo, se você é um veterinário clínico e possui conhecimentos de técnicas cirúrgicas, tratamento de animais de grande porte ou qualquer outra habilidade que fuja da rotina do veterinário clínico, certamente você será valorizado profissionalmente.

Sendo assim, fazer um curso de atualização vai agregar valor ao seu serviço. Analise bem quais são as competências desejadas na sua área de atuação e invista em desenvolver os seus conhecimentos nessa área. Afinal, o curso de atualização deve fazer parte do seu plano de carreira.

Como escolher um curso de atualização?

1- Defina o seu perfil profissional

Para escolher o curso ideal a primeira coisa a fazer é entender o seu perfil profissional.

Se você é formado ou ainda está na faculdade, os cursos de atualização são uma excelente opção de qualificação a curto prazo. Caso você esteja planejando mudar de área de atuação, conseguir uma posição melhor, reciclar os seus conhecimentos, arrumar um estágio ou o primeiro emprego, a melhor solução é optar por fazer um curso de atualização. São cursos de menor investimento devido a curta duração, que permitem aos interessados aprender de forma rápida e objetiva os conhecimentos necessários para atingir seus objetivos, sejam eles aprofundar os seus conhecimentos em determinada área, arrumar o emprego dos seus sonhos ou conquistar a tão desejada promoção.

Agora, se você é formado e quer seguir uma carreira na área acadêmica, como pesquisador ou professor, o ideal é fazer um curso de especialização (pós-graduação na modalidade stricto sensu), ou seja, um mestrado ou doutorado. No entanto, essa modalidade tem um perfil mais voltado para a construção e produção de conhecimento especializado e menos voltado para a parte prática. Mas, se deseja adquirir competências e conhecimentos mais direcionados para o mercado de trabalho, com uma formação mais focada na parte prática, o melhor será escolher um curso na modalidade lato sensu que são voltados para a melhoria da carreira dos alunos.

Em qualquer área de atuação existe uma demanda muito grande por profissionais qualificados, principalmente em áreas que estão em expansão, como é o caso do Agronegócio, como mencionamos aqui no blog.

2- Defina os seus objetivos

O próximo passo para a escolha de um curso de atualização é definir uma meta, ou seja, tenha consciência de onde você quer chegar. Afinal, o curso ideal para você é aquele que é mais alinhado com os seus objetivos e a sua realidade. Os motivos para fazer um curso de atualização variam de pessoa para pessoa, pode ser que você queira adquirir ou aperfeiçoar algum conhecimento técnico e tentar alcançar outro cargo, ou você pode querer mudar inteiramente de área e precise adquirir conhecimentos inteiramente novos.

Quando o seu objetivo está bem definido, é possível mensurar os resultados e torna mais fácil a busca por cursos, instituições e modalidades de ensino.

3- Conheça o mercado de trabalho

Como já referimos aqui no blog, a Medicina Veterinária tem um grande variedade de áreas de atuação, conhecer a prática diária da profissão é um fator importante a considerar na hora de escolher um curso de atualização.

Através da prática e da experiência você perceberá quais são os conhecimentos, habilidades e competências que precisam ser melhoradas e quais são as mais valorizadas. Assim você poderá decidir qual o direcionamento da sua carreira pode tomar.

A rotina, a experiência e a prática da sua profissão amadurecem as suas ideias e visão de mundo, deste modo você estará mais preparado para escolher o curso certo para você.

4- Escolha a instituição de ensino

A melhor forma de escolher uma instituição de ensino é pesquisando. Analise o histórico da instituição, a infraestrutura e as suas conquistas. Verifique se a instituição tem uma boa reputação, bons resultados e docentes empenhados.

A infraestrutura para os cursos de atualização na área de medicina veterinária necessita de uma análise mais cuidadosa, afinal esse tipo de atividade exige laboratórios de excelência, completos e seguros. Salas de aulas amplas com bons recursos tecnológicos, biblioteca, materiais de estudo também são fatores essenciais a considerar na hora de escolher a instituição de ensino para realizar o seu curso de atualização.

Outro ponto importante a ser analisado é a qualificação do corpo docente. Os professores são os responsáveis por transmitir o conhecimento e experiência de maneira direta, deste modo é importante conhecer o histórico de cada um. Os cursos de atualização podem contar com professores fixos, associados e/ou convidados, que vão partilhar os seus conhecimentos e experiências adquiridos com os alunos.

Por último, também é importante avaliar a estrutura administrativa e o atendimento oferecido.

5- Analise a grade curricular

É normal que os nomes, as descrições e os professores estejam disponíveis no site da instituição em questão. Através da descrição das matérias lecionadas você poderá ver se os conhecimentos e competências abordados correspondem aos seus objetivos. Considere também a bibliografia e a proposta pedagógica para verificar se está de acordo com o esperado.

Para escolher um curso de atualização é necessário avaliar diversos fatores para que os seus esforços não sejam em vão e as suas escolhas estejam alinhadas com os seus objetivos e perfil profissional. Como vimos neste post,  é essencial passar por algumas etapas antes de escolher qual é o curso de atualização ideal para você.

Agora que você já sabe como escolher um curso de atualização na área da medicina veterinária, clique aqui e conheça os cursos do CDMV e alavanque a sua carreira.

Inscreva-se na Newsletter do blog Guia do Veterinário e receba as atualizações direto no seu e-mail.

As pessoas também estão lendo...